TAG: harrypotter
  • Dicas
  • 13 fev 2017

    Relendo Harry Potter <3

    Oi gente! Tudo bem?

    Hoje resolvi compartilhar com vocês uma experiência que três amigos meus e eu estamos começando. Pra quem me conhece, sabe que sou fã de Harry Potter, e assim como eles, nossa paixão pelo universo mágico só tem a crescer. Sendo assim, propus relermos todos os livros – série completa – do mundo mágico criado por J.K Rowling. Com isso, pra quem tem interesse em reler os 7 livros me avisem para quem possamos fazer algo bem organizado.

    Resolvemos que iremos ler três capítulos por dia. Como moramos no Espírito Santo, vamos nos reunir para discutir cada livro lido. Pra quem não mora no Estado, podemos pensar em uma maneira que possa incluí-los nas discussões sobre cada livro. Ninguém sabe disso então:  aqueles que estiverem lendo com a gente, vão concorrer à uma surpresa no final – surpresa apenas no término do 7 livro. 

     

    E então? Ansioso (a)? Prepare-se e vá imediatamente para o Expresso Hogwarts, e embarque com a gente nessa aventura.

  • Resenhas
  • 1 fev 2017

    Resenha: Histórias de Hogwarts

    Título: Histórias de Hogwarts: Poder, Política e Poltergeists Petulantes
    Autor (a): J.K Rowling
    E-book
    Onde comprar: Amazon
    Classificação: 5/5 ❤
    Tudo que envolva o universo mágico de J.K Rowling vale a pena ser lido, não é mesmo? E com esse e-book lançado pelo Pottermore não seria diferente. Assim que fiquei sabendo dele e dos outros 2 e-books corri no site da Amazon e os adquiri. Confesso que ainda não li os outros dois, entretanto, a resenha de hoje falaremos sobre Poder, Política e Poltergeists Petulantes.

    O e-book traz várias informações e nos apresenta personagens que já conhecemos, e ainda, como e porque daquele personagem ser do jeito que conhecemos. Na verdade, conta um pouquinho da história de cada – e achei isso super interessante. Bom, no primeiro capítulo temos a história de nossa querida sóquenão Dolores Umbridge. Achei bem interessante a forma com que a J.K a descreve com ”a aparência de um cupcake decorada, mas não tinha nada de doce”. Ela ainda traz no início a data de aniversário, qual a varinha da bruxa, qual casa ela pertenceu e suas habilidades especiais. No decorrer do primeiro capítulo temos uma apresentação do passado sombrio da mesma. Sobre sua família, de como ela chegou ao poder e etc. Acabamos conhecendo um pouco mais afundo uma das bruxas mais odiadas no universo mágico.

    No segundo capítulo temos a presença dos Ministros da Magia de Azkaban. Confesso que gostei bastante, pois vai passando e comentando sobre cada Ministro que assumiu e em que ano o mesmo ”governava”. Achei úteis as informações, e nesse capítulo, conseguimos conhecer o passado e presente do Ministério da Magia.

    No terceiro capítulo é o maior capítulo, pois o mesmo trata sobre Horácio Slughorn, Porções, Porção Polissuco e Caldeirões. Conhecemos mais afundo o professor Horácio e seu elitismo entre os alunos, pois sempre estava em busca de pessoas que possuíam poderes excepcionais. Além disso, é o famoso professor que adorava Tom Servolo Riddle: uma vez que o mesmo conseguiu descobrir através de seu professor como criar Horcruxes. Com relação as porções J.K traz explicações assim como fala sobre Porção polissuco e explica mais um pouquinho sobre a famosa porção que nos é apresentada nos livros e no segundo filme de HP. Comenta ainda um pouquinho sobre a figura dos caldeirões e como a figura dos mesmos são tão importantes para a comunidade bruxa.

    Já no quarto capítulo descobrimos um pouco mais sobre o professor Quirino Quirrell – o primeiro professor de Defesa Contra as Artes das Trevas de Harry Potter. Ficamos sabendo ainda como e porque Voldermort o escolheu para habitar temporariamente em seu corpo.
    E por fim, o quinto capítulo Pirraça, o poltergeist temos a história de nosso fantasma favorito: O pirraça. Pra quem já leu os livros, com certeza sentiram a falta dele nos filmes assim como eu. De acordo com J.K: poltergeist seria pelo simplesmente um fantasma barulhento, haha.
    Para quem ainda não leu, super indico os e-books. Com certeza vocês irão amar todas as explicações. Sem contar que no final de cada capítulo, temos reflexões da J.K Rowling e os comentários são super válidos.

  • Precisamos Conversar Sobre:
  • 17 nov 2016

    Precisamos Conversar Sobre: Animais Fantásticos e por Onde Habitam.

    Uma geração finalmente se reencontra nos cinemas. Uma escritora. Uma história repleta de magia, romance, amizade e tudo que existe de melhor no universo de J.K Rowling. Não poderia ser diferente as inúmeras reações sentidas diante do titubear das notas musicais e do símbolo da Warner Bros subindo a gigantesca tela do cinema.

    15086319_1208123989223572_293274550_n

    Os sentimentos ali presentes, o relembrar da primeira ida ao cinema para a estréia da Pedra Filosofal; só quem vivenciou tudo e passou por tudo isso, sabe o que estou falando. A emoção, o frio na barriga de que a 00:00 hrs as luzes irão se apagar, e o filme vai começar – e toda aquela realidade passa a ser o mundo mágico que uma vez fomos convidados a entrar e permanecer desde então.

    Confesso que como fã da série Harry Potter, fui com grandes expectativas para o filme – e, mais uma vez, não sai decepcionada. Além do filme estar impecável com referências sutis ao mundo mágico de HP, a atuação de cada ator e atriz tornou tudo ainda mais mágico – uma vez que em cada cena, percebíamos a entrega total aos personagens.

    15129973_1208165229219448_1485039952_n

    E o que falar dos efeitos visuais do filme? Fazendo com que os animais não parecessem falsos, e sim, algo totalmente real. Fora de série! Pra quem espera encontrar uma nova era do mundo da magia, pode com certeza ir assistir ao filme sem medo. Pra quem espera algo grandioso, ai que pode ir sem medo mesmo. O filme está totalmente doce, incrível, e não existem palavras para descrever as emoções e as pós-emoções que senti e estou sentido até agora sobre o filme.

    Animais Fantásticos e Por Onde Habitam traz de fato todas as emoções em uma única ida ao cinema, fazendo com que todos os seus pensamentos mais nostálgicos voltem de fato a sua primeira introdução ao mundo da magia.