TAG: sentimentos
  • Precisamos Conversar Sobre:
  • 18 nov 2017

    Se bater saudade…

     

    Foto: Pinterest

    Cê jura que me liga? Mesmo que seja pra ficar em silêncio. Apenas pra ouvir a sua respiração. Apenas pra saber que você está aqui. Que não foi embora. Disse e prometi a mim mesma que te aceitaria como um amigo – mas não tenho real certeza se irei aguentar vê-lo seguir em frente e me deixar pra trás.

    É difícil ficar perto de você e segurar a vontade de te beijar, de te tocar como mulher. De compartilhar aventuras ao seu lado. Aquela sensação de que a qualquer momento, alguém pode chegar e ver a gente em uma situação constrangedora. É chato imaginar que você está com ela. Seguindo sua vida com ela – e eu aqui, apenas imaginando vocês dois.

    A real é que quero apenas chegar na sua casa, te ligar e dizer: ei, vem cá que tô com saudade de você. Não me importo de ferir e engolir meu orgulho pois quero apenas sentir toda intensidade depositada no que tivemos. Sair sem preocupação, sem se importar se vamos nos envolver ou não.

    Mas a grande verdade dessa coisa de não se envolver, é que no final, alguém vai se envolver. E o grande problema é que eu me permiti me envolver – e você não estava disposto a sentir. A tentar. Não estava disposto a se entregar. Então, mesmo com os sentimentos presentes aqui dentro, saiba que, com essa puta química que puxa um para o outro, eu resolvi seguir. Resolvi deixar meus sentimentos de lado mais uma vez, e me permiti tê-lo ao meu lado apenas como um bom amigo. 

    Porém, só preciso que você me prometa uma coisa: que vai querer me ver de novo e vai me ligar de madrugada.

     

  • Precisamos Conversar Sobre:
  • 15 nov 2017

    Um conselho aos seus sentimentos

    Foto: Pinterest

    Percebi que a cada dia que passa, nos tornamos pessoas diferentes e melhores a cada passo que resolvemos dar. Além disso, devemos ter em mente que, por mais que desejamos ser de algum jeito, jamais devemos perder nossa essência. Só porque a vida lhe trouxe decepções, não significa que você precise tornar a mesma algo banal.

    Se a vida lhe trouxe momentos tristes e pessoas que não souberam dar o devido valor aos seus sentimentos, não crie muros para que você se esqueça das coisas puras que sua essência desenvolve em você. Não seja apenas mais uma pessoa que se decepcionou e por conta disso, resolveu se fechar para todas as oportunidades que a vida está querendo lhe entregar.

    Aproveite o momento. Os sentimentos. Se você encontrar alguém que valha a pena sentir e se abrir novamente, faça sem medo. Apenas faça. Seja feliz. Seja tolo aos olhos das pessoas que lhe cercam – mas jamais perca a sua essência. Não deixe de sentir apenas por estar com medo. Viva o hoje e preocupe-se com o amanhã depois.

    Às vezes não nos entregamos pelo medo e por conta disso, perdemos sim pessoas e momentos especiais; apenas pelo medo de tentar de novo. Sei que o medo é um sentimento comum ao ser humano, mas não deixe que ele te impossibilite de viver grandiosos momentos e pequenos universos capazes de transformar a sua vida em algo melhor.

    Talita Santana <3